Governo atribui 500 mil euros ao plano de acção para travar doença hemorrágica dos coelhos



Fonte da imagem: RTP1

O Governo informou que atribuiu uma verba de 500 mil euros para financiar o plano de ação para a doença hemorrágica dos coelhos, que inclui 11 medidas para travar a nova variante.

O plano de acção foi apresentado, em Lisboa, e divide as onze medidas por três eixos orientadores -- investigação, gestão e vigilância sanitária.
Entre as propostas encontram-se a vacinação oral, a distribuição de conjuntos de diagnóstico e brochuras com informações sobre a doença, bem como a preparação dos laboratórios para a recolha e análise das amostras biológicas.

O ministro da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural, Luís Capoulas Santos, que presidiu à sessão pública de apresentação, disse que o ministério procurará encontrar as soluções para que o programa possa ser executado, com bons resultados.
"Procuraremos encontrar as soluções para que este programa possa ser executado e desejo que, com bons resultados, tão visíveis quanto possível, no mais curto prazo", referiu.
A nova variante da doença hemorrágica é de fácil disseminação e afecta coelhos bravos jovens e adultos, bem como as lebres.

O plano divulgado indica que o vírus é transmitido de coelho para coelho, mas também se difunde através de outros animais e das próprias hortas, uma vez que apresenta uma grande resistência ao meio ambiente.
Apesar de não ter sido apresentado um calendário para a aplicação das medidas, o Governo avança que sete das onze propostas serão aplicadas a curto prazo.


Fonte: Diário de Noticias ->  http://www.dn.pt/lusa/interior/governo-atribui-500-mil-euros-ao-plano-de-acao-para-travar-doenca-hemorragica-dos-coelhos-8785523.html
Data de publicação: 2017-09-21 09:53:37

        

575 visualizações