Notícias

Gripe Aviária em Portugal: Nota informativa

 

No dia 6 de novembro, confirmou-se a infeção por vírus da Gripe Aviária de Alta Patogenicidade (GAAP) do subtipo H5N1, numa gaivota-de-asa-escura (Larus fuscus), recolhida na freguesia da Gafanha da Nazaré, concelho de Ílhavo, distrito de Aveiro.

Nas proximidades do local de recolha da ave não há explorações avícolas comerciais, existindo apenas detenções caseiras de aves de capoeira cujos detentores foram sensibilizados para a adoção de medidas de biossegurança tendo em vista a proteção das aves detidas.

Perante a evidência de contínua circulação do vírus da GAAP, a DGAV apela a todos os detentores de aves que cumpram com rigor as medidas de biossegurança e as boas práticas de produção avícola, que permitam evitar contactos diretos ou indiretos entre as aves domésticas e as aves selvagens. Devem ser reforçados os procedimentos de higiene de instalações, equipamentos e materiais, bem como o rigoroso controlo dos acessos aos estabelecimentos onde são mantidas as aves.

A notificação de qualquer suspeita de doença deve ser realizada de forma imediata, para permitir uma rápida e eficaz implementação das medidas de controlo da doença no terreno pela DGAV.

Salienta-se ainda que a deteção da infeção por vírus da Gripe Aviária de Alta Patogenicidade em aves selvagens não afeta o estatuto sanitário de país livre desta doença em aves de capoeira.


Fonte: DGAV Consultar fonte
Data de publicação: 09/11/2023 17:28